Fevereiro 08, 2023
Slider

Justiça manda Santander indenizar cliente por empréstimo não autorizado

A Justiça Federal de Pernambuco condenou o Santander a pagar indenização de R$ 4.000 por danos morais a uma segurada que teve um desconto indevido de um empréstimo consignado que ela não contratou.

 

Na ação, a pensionista diz que forneceu seu número de benefício à agência apenas para consultar as taxas e os prazos oferecidos pelo banco, mas começou a ter descontos no pagamento mesmo sem assinar o contrato.

 

Segundo o advogado da segurada, Rômulo Saraiva Filho, o Santander diz que usou o dinheiro descontado para pagar um empréstimo que a pensionista tinha em outro banco.

 

O empréstimo era de R$ 1.400.

 

Resposta

Procurado, o Santander diz que não se pronuncia sobre processos judiciais.
O banco pode recorrer.

 

Fonte: Agora